O que é ceratocone e principais sintomas ?

O ceratocone tem como característica que a membrana  protetora dos nossos olhos, fique com uma espessura um pouco mais fica e com uma formato de pequeno cone, neste caso ultrapassa o limite antes existente na córnea. Por conta desta alteração que essa doença causa a mesma é considerada degenerativa pelos especialistas.

O ceratocone surge geralmente na fase da juventude por volta dos 16 anos, onde seus sintomas são parecidos com o de outros problemas oculares como: sensibilidade à luz, dificuldade de enxergar objetos próximos. Isso acontece conta do desforre  que ocorre dentros dos olhos quando existe a alteração da membrana.

Neste problema pode-se chegar cura somente em alguns caso, pois isso dependerá do grau no qual se encontra o problema. Por volta de até 2 graus o uso de lentes para reparação podem ajudar a chegar a uma cura, entretanto aqueles que possuem entre 3 e 4 graus, na sua maioria dos casos podem necessitar de transplante de córnea para resolução do problema.

Os principais sintomas são:

 

  • Visão embaçada
  • Hipersensibilidade à luz
  • Enxergar imagens “fantasma”
  • Visão dupla
  • Dor de cabeça
  • Coceira no olho

 

Se vocês olharem bem o sinais do ceratocone são bem parecidos com os de outros problemas de visão, já comuns na mente de quem utiliza óculos. Entretanto, neste caso a rapidez com que o distúrbio na visão se agrava que acaba por se tornar o diferencial em relação a outros problemas oculares.

Um fato bem comum que ocorre nestes casos é a necessidade de uma troca constante de óculos ou lentes, onde a partir disto pode surgir uma maior probabilidade do oftalmologista realizar um exame para constatar  se a forma da córnea do olho está dentro dos padrões. Assim que constatado o problema com auxílio de um computador se consegue constatar em quantos graus a curvatura do olho se encontra, pois assim o especialista conseguirá indicar o tratamento mais adequado.

Ceratocone pode cegar?

Por se tratar de um problema ocular que que possui seu processo de desenvolvimento muito rápido, a dificuldade em enxergar acaba por aumentar de forma progressiva também. Por conta disso considerasse uma cegueira, mas forma não completa.  

Tratamento para ceratocone

Qualquer tratamento de visão deve ser realizado por um especialista, onde comumente o tratamento é realizado através do uso de óculos ou lentes de contato específicas. A correção ocorre mediante o grau existente e necessário para a eficiência do tratamento.

Um atitude muito comum, mas que deve ser evitada ao máximo dentre aqueles que possuem ceratocone é o ato de coçar/ esfregar os olhos.  Esta ação acaba por agilizar o processo de alteração da córnea. Nos casos, onde este tipo de irritação for frequente comunique seu oftalmologista assim que possível para iniciar um tratamento com medicamentos como colírios para amenizar estes sintomas.  

Quando é necessária cirurgia?

Com o tempo o uso de lentes e óculos podem não ser tão eficazes como de início, onde nesses casos o especialista pode indicar métodos cirúrgicos como:

 

  • Crosslinking: Este método consiste na utilização de vitamina B12 e exposição UV-A diretamente nos olhos, já que este processo ajuda no enrijecimento  da córnea, paralisando a degeneração. Durante o tratamento o uso de lente ou mesmo os óculos continuam necessários.

 

  • Implante de anel na córnea:Este procedimento é considerado bem rápido, pois necessita de uma pequena cirurgia com cerca de 20 minutos de duração. Neste caso é introduzido um pequeno anel no olhos que está a ocorrer o problema para que assim a córnea do olho fique de forma uniforme, dificultando assim a degeneração do problema.

 

Mesmo com os procedimento apresentados cirúrgicos apresentados acima ele não levam a cura do ceratocone, entretanto eles ajudam gradativamente a reprimir a doença. Por conta dos fatos acima o uso de óculos  por vezes pode continuar indispensável.

Somente em casos onde se consegue um transplante de córnea é possível obter a cura. Entretanto esta prática exige alguns que alguns requisitos como: após outros procedimentos cirúrgicos o problema se agrava ou quando o grau de deformação da córnea se encontra muito alto.